domingo, 14 de março de 2010

Segredo

Se há segredos em mim
Tenho medo dos que há em ti
Por pensar que podem ser
Como os que eu costumo esconder

Estou presa num enredo
Que me prende neste medo
Num lugar suspenso no tempo
Que demora a revelar um segredo

São palavras e imagens
São imagens e sons
São sons e cheiros
São cheiros e recordações
São cheiros, cheiros, cheiros
São segredos passados
Ou apenas pensamentos trancados


Dou-te a minha chave
Que é simples, fácil de copiar
Meras palavras minhas
Que fazem sonhos desmoronar

5 comentários:

Jojozinha disse...

Dar a chave do nosso interior deve ser um acto pensado imensas vezes, para nâo nos magoarmos, mas quando damos, é tão bom... :D

Helga disse...

Os segredos que são revelados, são com peças de roupa que despimos. Só ficamos completamente nus na frente de quem se despe também para nós. Gostei bastante.

Bjs :)

Neemi disse...

Gostei muito,
Parabéns =)

Beijinhos**

continuando assim... disse...

e a historia de Alice, lá continua....
no
... continuando assim...

mais logo, um novo capítulo

um obrigada a quem segue (porque só vale a pena assim).

Um especial convite, para quem ainda não mergulhou naquela história.
...é só uma história, apenas isso.

obrigada
e até logo
Bj
teresa

Lady Me disse...

Jojozinha, Helga e Neemi, obrigada!

Beijinhos*