segunda-feira, 28 de junho de 2010

love (?) will tear us appart.

Hoje era um daqueles dias em que era capaz de deixar tudo, a ti incluído e ir viver a minha vida do outro lado do mundo. Literalmente. Nunca perceberás o que sinto, como sinto, a intensidade que o teu sorriso provoca em mim. A calma que o teu olhar me dá. Eu olho para ti com todo o amor que tenho e tu nunca reparaste nisso. Vês-me: uma rapariga à tua frente que diz que gosta de ti, com um top branco, uns jeans desbotados e umas sandálias de salto alto, com um cabelo ondulado, comprido e com as unhas pintadas de uma cor qualquer, rosa, lilás, vermelho. Não vês mais nada em mim, não vês como te quero, não vês como preciso de ti, não vês que te amo. Não vês, nunca verás. Não percebes isto e nunca perceberás.

4 comentários:

incógnita disse...

Há quem ande nesta vida, de olhos fechados

Lady Me disse...

Há mesmo! :(

Poetic GIRL disse...

Eu diria que eles não querem ver o que lá está, mas se queres que te diga são eles que perdem, neste caso um ele... bjs

luciana teixeira disse...

este post me deu vontade de ouvir joy division, embora eu tenha os cds e só goste de duas músicas, esta incluída. mas o fato é que eles sempre notam, nós é que não percebemos.

então vou ouvir the wombats que tem uma musiquinha: ltes dance to joy division. e é boa.